03 março 2010

OLHO DE BOI


Nas horas mortas, é por aqui que aguardamos as instruções futuras. nesta imagem, fixada pouco tempo a´pos uma reparação na ventoinha da proa, pode-se ainda ver o antigo ex-libris do Tejo, o GAL RIO.
Parece que vendido para Africa.


A Ventoinha após a lipoaspiração naõ intruziva. Também se procedeu a uma lipocavitação das pás, com tecnologia norte coreana : Martelo!


Do cais do OLHO DE BOI, pode ver-se o outro ONYX, agora fundeado no MdP, a aguardar sabe-se lá o quê.
Também os artefactos de pesca(?) saídos porventura de alguma obra pública menos acautelada, marcam presença. A pesca deve acabar muitas vezes  à pedrada....

Sem comentários: