30 dezembro 2005

ROJÕES À ALENTEJANA

Com os desejos de um BOM ANO de 2006 , junto os " Rojões À Alentejana" versão Julia.

Foi durante um almoço ajantarado, em casa do Barreto, em Aguiar, Alentejo de Cima, que me foi dado a provar esta maravilha , que pela sua simplicidade e rapidez de fabrico, se prestam perfeitamente à sua realização a bordo; Desde claro, que se não utilize o método do Perú.....! Pois bem, e de acordo com a Julia ,g rande cozinheira, o festim começa assim:

PARA 4 PESSOAS:-----------------------------------------------------------------------------

600 Grs de carne de porco, ( com muita febra) cortada aos bocados medios.

4 dentes de alho e sal grosso para temperar a carne.

Molho de pimentão - 1 colher de sopa ,e vinha branco - 1 copo médio ( Relembro o berú!!!)

Tempera-se e deixa-se a repousar durante cerca de 6 horas, até ficar tudo farto de esperar;

Depois coloca-se num tabuleiro de ir ao forno, rega-se com um bom golpe de azeite, e manda-se com aquilo para o forno, durante 1/2 hora; Vira-se a carne a pedido.

E é assim, fácil, barato e não dá milhões, mas sabe bem que se farta; Acompanhar com um bom vinho, é essencial.

29 dezembro 2005

PIN - INSTITUTO PORTUGUES DE NAVEGAÇÃO

Aqui estão, dados à estampa, os õrgãos sociais do PIN.

FELICIDADE

E foi a primeira imagem que me veio à cabeça, quando vi este "desgraçado" agarrado à caneca do cafè (??) com 4 metros de mar atrás dele, a sorrir com quantos dentes tem!------------------
É de facto a imagem da FELICIDADE.
Devidamente enfarpelado, com arnês colocado en su sitio, ( a meu ver erradamentel) - mal se vê na fotografia, mas está colocado no balaústre à popa..

28 dezembro 2005

NAVIOS QUIMICOS

Algumas saudades, ( só as coisas boas) deste navios; Passei lá alguns anos da minha vida; O Armador era Luso Alemão. São navios terriveis, pela carga, e pela rotação das cargas; Pequenos mas com muita arrumação; Aliás, maiores ,seriam atentados contra a Mãe Natureza; Assim, a acontecer alguma coisa, mais facilmente se resolve ; Este encalhou no Rio Escalda,e esteve próximo do desastre; Soda Caustica e Ethlylene, tudo boas cargas....
Temos óptimas tripuklações deste tipo de navios AGORA!!! Creio que me percebem.....

MISTO PASSAGEIROS E CARGA

É só uma curiosidade, mas antigamente, em Portugal havio uns navios - bonitos para a época , e que eram os "As" e os "Bs" das companhias Nacioanal e Colonial; Lembro-me do Braga ( praticão) e o Benguela ( 3rd mate). Carregavam não me lembro , mas umas 5.ooo tonnes de carga e 12 passageiros; o navio da figura, com 175 metros de comprimento, transporta 80 passageiros (?) e 1120 TEUS. ( posições de contentores).
Não será uma originalidade, portanto! Construído em 1988 na Coreia do Sul, falhou o transporte de passageiros na America do Sul. OP seu primeiro nome foi AMERICANA .------------------------------------------------------------------------ (in Ships monthly)

27 dezembro 2005

INSTITUTO PORTUGUÊS DE NAVEGAÇÃO

-----------------------------------------------------Artigo 7º--------------------------------------------------------------------------------(Direitos dos Sócios)------------------------------ 1. São direitos dos Sócios Activos: a) Tomar parte nas Assembleias Gerais da Associação, discutindo e votando todos os assuntos que às mesmas forem submetidos; b) Eleger e ser eleito para os orgãos da Associação; c) Beneficiar de todas as iniciativas da Associação; d) Apresentar, aos orgãos competentes da Associação, as propostas e sugestões que considerem úteis para a prossecução das finalidades daquela; e) Examinar a escrituração e as contas da Associação nas épocas e nas condições estabelecidas pela Lei e pelos Estatutos; f) Exercer todos os demais direitos que para ele resultem dos presentes Estatutos e dos Regulamentos da Associação; g) Utilizar, nos termos regulamentares, os serviços da Associação. 2. São direitos dos Associados, dos Sócios Beneméritos e dos Sócios Honorários: a) Tomar parte nas Assembleias Gerais, com direito de voto, excepto relativamente às matérias de destituição dos titulares de orgãos da Associação, aprovação do balanço, alteração dos Estatutos, extinção da Associação e autorização para esta demandar os administradores por factos praticados no exercício do cargo, matérias estas da competência exclusiva dos Sócios Activos; b) Utilizar os serviços da Associação nas condições que forem estabelecidas. 3. Perde provisoriamente os direitos a que este artigo se refere o sócio que tiver as quotas em atraso por um período superior a três meses, sem prejuízo das sanções previstas no art. 10º. 4. Não podem ser admitidos como Sócios: - os falidos; - as pessoas responsáveis por falência fraudulenta de quaisquer sociedades.

Instituto Português de Navegação

É o que falta ; Não se habilitam ao balde de plastico, não ganham nenhuma viagem até à Falagueira, mas têm oportunidade de fazer história; -----------------------------------------Capítulo II -------------------------------------------FINS E ATRIBUIÇÕES------------------------ Esta Associação tem por fim unir as entidades individuais e colectivas, de todo o território nacional, que se dediquem ao desenvolvimento das actividades humanas no mar, no ar, no espaço e em terra, com o objectivo de compartilharem do desenvolvimento da ciência, da utilização da navegação e técnicas de informação relacionadas com as actividades acima referidas.

AVENTURA ? AO FUNDO À ESQUERDA

O Sr. Patrick Guimet, marinheiro francês de SANGRIA de 8 metros em punho, conta-nos o que passou na nossa costa, a navegar para Sul; Creio que todos nós já passámos por isso; Aqueles dias de nortada rija, com 38 e mais nozes, 3 rizos ( 4??) ou só com um trapinho à proa, genoa toda enrolada, e nós pequeninos com mar forte a forçar-nos ao máximo; Tripulações enjoadas, sal e água por todo o lado; A nortada cai com a noite, mas também tem dias de se manter até às 5 ou 6 da manhã; Não ha pior..... MAs é bonito que se farta, e enche o ego passar por isso;

23 dezembro 2005

BOAS FESTAS

Porque é NATAL, e para se ver como os nossos queridos "terreiros (??)" se tratam ; Sim, porque isto é impens´vel e impossivel a bordo........ CLARO!!!!
RECEITA DE PERU COM WHISKY
Ingredientes:1 garrafa de whisky - do bom, pois claro!!1 peru de aproximadamente 5 KgSal, pimenta e molho verde a gosto350 ml de azeite extra-virgem500 g de bacon em fatias Nozes moídasModo de preparar:
Envolver o peru no bacon e temperá-lo com sal, pimenta e molho verde a gosto.Massajá-lo com azeite.Pré-aquecer o forno durante aprox. 10 minutos. Beber uma boa dose (dupla) de whisky enquanto aguarda.Colocar o peru numa assadeira grande.Sirva-se de mais duas doses de whisky.
Ajustar o terbostato na marca 3, e, debois de uns binte bidutos, bonha para assassinar. Digu, assar a ave. Beber bais uba dose de whisky. Debois de beia hora, formar a baertura e controlar a asssadura do pato.Tentar zentar na gadeira, zervir-se de uooooootra dose boa de whisky. Gozer (?), gosturar(?), gozinhar (?), sei lá, f***-se o beru. Deixar o vilho da **ta no vorno bor ubas 4 horas.Tentar tirar a berda do beru de lá.Bandar bais uba boa dose de whisky pa dentro, dendar nobabente tirar o ca**ão do beru do vorno, borgue na bribeira denndadiiiva dããão deeeeeeeuuuu.Begar o beru que gaiu no jãoo, e enjugar o vilho da **ta gom o bano de limparrr o jãoo e gologá-lo duba pandeja ou galguer outra borra, bois, avinal, vozê nem gossssssssta buito dessa berda de beru. Bronto!E VOUAS VEESTAS.....

21 dezembro 2005

VIRAR O BONECO 2

Pelo que se sabe deste caso, as consequências resumiram-se simplesmente à perca da embarcação; Mas quase sempre é pior.... Muito Pior ...

VIRAR O BONECO

Estas imagens já foram vistas, revistas e tornadas a ver, inclusivé foram capas de algumas revistas e tema central de muitas outras; mas não será demais fazer notar a falta de bom senso, a que os anglo-saxões chamam , neste caso, de seamamship .

16 dezembro 2005

ONDE ESTÁ O WALLY

O Blue Moon I, demarca-se dos outros veleiros, mas onde está???

BACK TO THE FUTURE

Imagem do semáforo de controle da navegação na ponte da Doca de Alcantara, recentemente inaugurados ( Ponte e Semáforo) e, a acreditar nas palavras do Presidente do C.A. do Porto de Lisboa, a abater rapidamente, com o fecho da zona sul da doca para guarda de contentores; Lembro que esta ponte foi colocada para o transito pedonal - turistas dos paquetes que teimam em parar cá ; Espero que não queiram repetir a graça de tentar fazer da Doca do Espanhol ( Alcantara) o tal parque de estacionamento - Olhá EMEL!!!!!!

AO VIVO NA DOCA DE ALCANTARA

Entrada na Doca de Alcantara de uma lancha da Policia Maritima, a rebocar uma outra lancha( avariada????)

12 dezembro 2005

ALETRIA À ANTIGA

Novamente do FLIPINHO FONSECA, este doce que nos é tão querido: A aletria, - que quando feita com mestria, é um manjar dos deuses; Eu que o diga, quando a Rosa Petinga a faz.... Aletria à antiga Ingredientes: (Para 6 pessoas) 500 gr. de aletria 4 cascas de limão 500 gr. de açúcar 1 litro de água + 1 litro de leite 100 gr. de manteiga + sal q.b. Modo de preparação:Numa 1ª fase, deverá juntar-se o leite, água, manteiga, sal, açúcar, e limão. Quando tudo isto começar a ferver, junta-se a massa e quando estiver devidamente cozida, coloca-se "estendida" num tabuleiro para secar. Deverá ser cortada em pedaços para ser servida.

BACALHAU ENSALSADO

Do FLIPINHO, esta novidade, para testar a bordo, agora com os dias + frios; Acompanhar com ARAGONÊS 2003, e dormir o resto da tarde.
Para 4 pessoas Ø 1,5 kg de batatinhas novas Ø Sal qb. Ø 4 postas de bacalhau demolhadas Ø 2 dl de azeite Ø 3 dentes de alho Ø l molhinho de salsa, picado Ø 2 colheres (sopa) de vinagre Lave muito bem as batatinhas e leve-as ao lume a cozer com pele em água temperada com sal. Depois de cozidas, escorra-as bem e dê-lhes um pequeno "murro", sem as abrir. Entretanto, asse as postas de bacalhau no grelhador, como habitualmente. Quando grelhadas, retire-lhes as espinhas e lasque-as grosseiramente. Num tacho largo, leve ao lume o azeite e, quando quente, junte-lhe os dentes de alho, previamente esborrachados. Em seguida, adicione as batatas e o bacalhau e deixe aquecer bem, mexendo de vez em quando. Por fim, junte a salsa picada e o vinagre, retire e sirva quente.

09 dezembro 2005

4 FACES DE UM ENJOO PARA UMA PERSONAGEM

Só o Afonso, para aguentar o enjoo desta forma ; Foram umas horitas ainda, e o rapaz, aparte estas expressões, lá se aguentou... Vezes houve em que tive de o amarrar bem amarrado.....

A DOBRAR CABOS (AINDA !! )

São o Cabo da Roca e o Cabo Raso, os outros dois cabos que o Veiguinha dobrou; Com ajuda, claro; Para os não iniciados, é assim que os vemos de fora, com máquina com lente de 200, claro!!

08 dezembro 2005

A DOBRAR CABOS

O Veiguinha, aqui naquele instante mágico, a seguir à tachada de bacalhau abanado ( 3 encores) e antes da sesta, a preparar-se para dobrar mais um cabo; Desta vez, o infeliz foi o Cabo Mondego, como demonstra a fotografia.

CONTRA O VENTO

É talvez das " maiores habilidades" conseguidas pelos homens do mar, essa forma fantástica de caminhar práticamente contra o vento; O ir onde parece ser impossivel; Deu-nos ( a Portugal) durante um breve periodo de tempo, a possibilidade de ir mais além, e de ter o reconhecimento do mundo; Hoje estamos de costas para o mar, e o que podia ser um novo motor, é só motivo para algumas fotografias. É pena.

30 novembro 2005

O CAPITÂO FERREIRA

Do meu compadre, globe-trotter de serviço e arejador de sotãos neste caso, esta bela fotografia de um verdadeiro navio bacalhoeiro, acabado de chegar, - ou a preparar-se para sair - e atracado na Rocha de Conde de Óbidos, lugar dos paquetes, claro.....
Repararam que a maré está a encher???
Eu sou o 4º a contar da esquerda.

28 novembro 2005

O EMERDÁRIO

Pois é, Também temos este emissário para o rio; A boia marca o poiso do dito. Fica na ribeira de Barcarena, em Caxias.

27 novembro 2005

CAPITÃO GANCHO

É dificil passar despercebido, apesar de muito moderno por baixo, por cima é o que é - Brigue, creio eu; Não é escuna porque o mastro de ré..... Já sabem

A PILOTEIRA

Na sua azáfama, sempre no vai vem dos Pilotos, aqui a Ponta do Salmodo a planar; Pena é que faça tanta aguagem

A GUARDA

A luz ao fim do dia. Não há palavras

A VER O RIO

Este é o novo ex-libris de Lisboa; Dá para ver agua em180 graus! Ha por ali bocados que parece do Gaudi, mas não ( creio eu)

PINTADA DE FRESCO

Lisboa engalanou-se, só para nos receber; Saudades com certeza.

Viagem de Cascais para Lisboa

Estava Só com o Xaninha, ( O Afonso baldou-se em grande, a contas com uma constipaçãozita de nada e uma grande dose de sorna) de forma que tinha o tempo todo do mundo e assim, tentámos sempre vir à vela- Muito rizados, que os aguaceiros eram fortes , com muito vento e muito granizo ( Saraivada, para os intimos); Tivemos a companhia durante alguns tempos deste pescadores, - e de um outro veleiro que fez as coisas de outra maneira; Vestiu-se a roupa de inverno ao Blue Moon e assim se veio.

22 novembro 2005

A MAQUINA DE LAVAR

Esta é , meus amigos, a máquina de lavar roupa do Blue MoonI;Pronto, já está !! Tive sempre algum rebuço em falar destas coisas intimas, mas, perante a evidencia esmagadorada fotografia e do texto junto, NÃO, NÃO SOU O ÚNICO..... Ah, a operadora não é nossa, claro!! A senhora do texto, ( presumo eu , não é maldade) diz que aquece sempre a agua para as lavagens, o que julgo ser melhor; Mas como ainda não cheguei a esse capítulo, das cores, conservação, lexivias e afins, lavava sempre tudo a uso e com agua fria; A Agua do mar não resulta, apeasar dos nossos melhores esforços; Agora cuecames e tixârtes, ficava tudo do melhor.... Pode até lavar à noite para vestir de manhã..... E a água residual, (pouca, que é uma das vantagens desta lavadora) sempre dá para lavar outras partes necessitadas, tais como as mãos, os pés.....

17 novembro 2005

CASCAIS - O INICIO

Estavamos ainda longe de pensar o que teriamos de suportar - Aquele mar enorme, mar oceano, com 46 cms de altura, que destroçava tudo onde tocava, aquele ventão de tantos e tantos nozes, que nos levou quase a Marrocos, -só com bilhete de ida. Amanhã, vamos repor o estado normal, isto é, o Blue Moon vai para Lisboa, com a maré; Devo ir a motor, vou meter gasóleo, que o que anda no deposito ainda não o paguei ao Veiguinha.....