31 outubro 2010

CASCAIS

A vila de Cascais, aqui retratada na forma de  fortaleza da Nossa Senhora da Luz .

                                      

Marco a delimitar o fim do MAR, e o começo da terra de Cascais.


Agora  a bostada da semana

          Na pretérita sexta, já sábado dentro  melhor dizendo, ao vir de ganhar "ónestamente" alguns euritos, passei por uns 4 ou 5 jardins públicos, onde as regas automáticas tratavam da sua função; e regavam, claro, num alarde de água por todo o lado. Para cima, para baixo, e para todos os lados.E mais , a haver....          Tudo estaria bem, não fora o caso de na  referida pretérita sexta, ter chovido copiosamente desde a manhã, encharcando tudo e todos. As terras e jardins também.Os públicos idem, que São Pedro não distingue.

          De vez em quando somos assaltados por uns imbecis pagos pelo nosso dinheiro, a referir a escassez da água, e outros piropos semelhantes. Preocupados decerto com a pocilga que já não consegue manter a engorda de tantos


lá vão indrominando uns esquemas para sacar mais algum aos pobres, que ainda por cima são acusados de não saber poupar.
           Não sei se ainda estamos em período de férias, e terão levado, por algum acaso, o comando destas coisas para o Caribe.
         
        





Sem comentários: