17 agosto 2010

A SENHORA DO PRANTO , BANDEIRAS E COMPANHIAS





O 15 de Agosto é celebrado em práticamente todo o país católico.Mesmo os menos dados a estas coisas, é sabido, acabam por comer e beber à conta de algum santo conhecido.
No  caso,  é a Senhora do Pranto, que do meio da minha rua, toma conta das gentes de lá. Também por mim, e pelos meus. Apesar da vida ser outra..

     A Imagem da Senhora é, ao que parece, muito velha . De antes da lampada, diz-se.....

     A festa,  que já o foi, é agora pouco mais que meia duzia de sinais de transito, a proibir os carros de atrapalhar a outra meia duzia de foliões. Sinais....
Mas enfim. Mais bonito foi ver na segunda feira, pelas 0730 da ,manhã, a cerimonia do arrear das bandeiras, nos Paços do Concelho. C'est vrai, ARREAR!!!!! A empregada da limpeza suponho, arvorada para tais funções, lá desceu as bandeiras do costume. E assim permaneceram pelo menos até hoje, terça.
Nestes casos deverá haver o periodo erectus,  e o outro assim a modos que mais murcho. Parece que o segundo é mais prolongado. Efeitos da seca, com toda a certeza.....
De bandeira no ar, todos andam, ou dizem andar. Faz-se a diferença.  Deverá haver por aí uma postura, quanto ao embandeirar, com toda a certeza.....

13 agosto 2010

O MAR E NÓS

Hoje, ao chegar a casa mais cedo que o costume, encontrei o amigo de longa data, não das escolas  que tem mais 5 anitos -  uma enormidade, quase uma geração quando se é novito. Amadeu José Silva, o Amadeu, o Almadedeus, o gafanhão, sei lá quê mais. Bom amigo e marinheiro sofrido. Muito. Enquanto moçoilo  teve uma paixão por uma belissima gafanhoa, com quem fez do sonho a sua vida. E lã vão, com mais de 40 anos de vida em comum, filhos, netos, chatices e alegrias mais que muitas.
O Amadeu,   com o mar no sangue, não estudou, talvez porque à data preferisse os dinheiros frescos dos empregos rápidos. Fez-se  à Escola de Pesca, em Pedrouços, para Marinheiros,  onde os rapazes cresciam muitas das vezes à força de alguns tabefes. Não o transformaram em bicho , tão pouco em deliquente; Antes em marinheiro, que nos seus dezassete anos, vê alguns amigos e companheiros de labuta a morrer, no mar que lhes deveria dar a vida.


Em 4 anos de pesca do bacalhau, naufraga 3 vezes; Já cá o contei. Na primeira viagem, naufrago. Na segunda  traz o navio, para na terceira e quarta naufragar de novo.
Era já comum ver o Amadeu a aparecer-nos  de camisa grosseira aos quadrados, normalmente muito colorida, botas bacalhoeiras ( botas altas, de dobrar, que se usavam na pesca para protecção-  Sapatos, era impossivel!- ) e olhar maroto, a oferecer cigarros americanos a toda a rua. E se contar 18 rapagões naquele largo, devo errar por defeito. Eram as mais das vezes, mais que isso.



Ainda hei-de contar o naufrágio em que morreram 6 tripulantes, onde andaram 37 pessoas numa balsa de 20 pessoas, onde na aflição e nos susto, ninguém ajudava ninguém. O Amadeu lembrou-se hoje de alguns factos desse dia. Alguns feios.....

Também são heróis, estes homens, não só os que por lá ficaram, mas talvez mais os que continuaram no que se transformou a ultima grande aventura dos Portugueses.

05 agosto 2010

ALMA LUSA, PARA QUE TE QUERO

Encore bien, encore bien....
Há quem perceba, mas cale. E os que não calam, não percebem ou não querem.
E votam.......

Publicado na Sábado, como sabem

01 agosto 2010

A BERLENGA EM JULHO


2 Imigrantes, para a novel AREA A EVITAR DA BERLENGA. Vieram dos AÇORES, by sea courfier.


     Sem  o 10 de Junho, sem Machadinho. sem Veiguinha, Eugénio, Delmar  sei lá,  e sem tantos  outros  tão bons como os primeiros, a BERLENGA sucks. Não é a mesma coisa. Estive nos Açores e aprendi a falar amaricano, e vi em Ponta Delgada um DC740. Não é um avião, não.... E não aprendi a tocar piano!Ora gaita.
      Mas esta aproximação do poente é  no minimo estranha, não???


Esta vista é a curriqueirisse do costume. Depois foi o Joel, mas MUITO BARULHENTO, e a fazerem frete. Amigos de Peniche????
Dificilmente me caçam outra vez.... E fiz figura de parvo com os Açoreanos. Devem estar cheios de Espanhóis, é o que é.
 Amanha veremos, no tombo.....