31 março 2010

SALUT LES COPAINS

Tradicionalmente, e por uma questão de feitio, andávamos sempre à porrada com Castela.

Com os franceses, só quando nos aliávamos com os ingleses, que não eram  poucas as vezes. E com os Ingleses, quando a coisa corria mal com os franceses e  castelhanos.

 

O que fazia com que Lisboa fosse  visitada muitas e muitas vezes por ilustres senhores que desancavam a moirama ( o que restava dela) e os portugueses com porrada.Tudo devidamente certificado, claro.


O rei, do seu terreiro , hoje do Costa (ou de ninguém ao que parece), via tudo descansado. A guarda, pequenina e poucochinha, só dava para tomar conta do palácio, o que deixava à furia dos malandrecos  toda a costa de Cascais até ao Cais do Sodré. O que era bom para o comercio, principalmente de escravos e afins.
Tivemos assim o prazer de levar porrada de Sir Francis Drake, mais que uma vez, o que quer dizer que ficámos clientes.Também o senhor Fenner, William  de seu nome, cá veio molhar o pincel. E não satisfeito, ainda foi à ilha de Porto Santo acabar com a raivinha.

Haverá muitos mais. fica para outra ocasião.


O Charles de Gaulle.Sei que não parece , mas é mesmo ele.....

FRAM


Não é o que se chame um conceito vulgar. Daí o seu aspecto. É bem proporcionado, feito para paisagens desérticas e não os mares das Caraíbas.




Cais de Alcantara, que vai concerteza mudar de nome. Por agora é TPA e TPR, com a Liscont no meio.

DISTANT SONG

Ficam na retina. Confiáveis, talvez seja o termo que me vem à cabeça, para definir estes brinquedo.
Volta ao mundo, porque não.....

AS JÓIAS DO TEJO - MAIS UMA CORRIDA


Ganso dos bons tempos.



Muitas marcas do tempo e do mar.
Feridas a sarar.




Vela de carangueja, de marca nos CUTTERS.
Cutter e Sloop:
É a posição do mastro que determina estes palavrões. Há a questão das velas de vante, numero de estais, etc. O sloop poderá apresentar SÓ uma vela de estai. O cutter tem sempre duas, pelo menos. Digo eu.


Está em Porto Brandão, que AINDA mantém um estaleiro(zinho) a funcionar.

Costumo ver este senhor de outros tempos ,das bandas do rio, sempre muito " tapado" . Ontem, com a devida autorização, lá me cheguei ao dito , com olhos de ver. Mas teve de ser muiiiito à pressa, o que quer dizer pelo menos mais uma visita. Gostei do que se vê e do que vi.

27 março 2010

SOBERANIA



          Não sei se haverá algo escondido com estes factos/ noticias.
As profundidades, salvaguardando alguns "montes" submarinos, afastam o bom senso, como se pode verificar  nas imagens seguintes. Na segunda imagem, temos a queda abrupta da plataforma continental., e a 50 milhas da costa, atentem nas profundidades, que só encontram paralelo om a os poços de petróleo que a Galp compra ao Brasil.
          Mas enfim, vamos a eles.....






Este ano, Portugal cresceu mais um bocadinho; A antecipar outro crescimento , esse valente, da PLATAFORMA CONTINENTAL ESTENDIDA.

Não sei se será a este facto que o “nosso” Joe Berardo se referia, quando anunciava a descoberta de petroleo, mas se assim era, ainda há um longo caminho a percorrer. E sabendo nós os artistas (?) que temos, deverá ser longo mesmo....

          Se a coisa for como os Centros de inspecção, Bombas de gasolina, Eólicas e por aí adiante, há uma vasta clientela a satisfazer, antes de chegar a produzir efeitos.

Recortes das noticias:

“....No que se refere a energia (hidrocarbonetos - petróleo e gás natural), há um relatório recente que diz que o potencial destes recursos nas plataformas continentais estendidas está estimado em 12 vezes 10 elevada à nona potência de dólares norte-americanos....”
Claro que refere-se aqui  A TODAS AS PLATAFORMAS.


          ".....Há quem diga que a plataforma continental é o novo Tratado de Tordesilhas para Portugal, tal a vastidão da área que pode ficar sob jurisdição nacional. Na União Europeia, Portugal já tem a maior ZEE. Com o alargamento da plataforma, passará a ser dos países com maior jurisdição marítima do mundo", diz o jurista Tiago Pitta e Cunha, que coordenou a estratégia portuguesa para os oceanos......"




          Claro que esta noticia vale o que vale. Temos este mar todo, e não temos industria da pesca. Temos o mar e não  temos Marinha Mercante.E tão pouco estratégias. E isso dói.  O mar é algo que é tratado a nivel oficial como " coisa" ," assunto", e sempre agarrado a outros assuntos, a outras coisas.
É claro que temos a EMAM - Estrutura de Missão para os Assuntos do Mar, de pendendo da Secretaria de Estado para os Assuntos do Mar, MdD. É muito assunto, ou muito mar????
da Pagina da Sec. de Estado:
Assuntos do Mar


Os mares e oceanos representam um meio de comunicação e transporte essencial num mundo cada vez mais globalizado, uma fonte de alimentos e fármacos, de energia e de recursos geológicos e genéticos. Para além da utilização associada, directa e indirectamente, a estas actividades, o Mar e as zonas costeiras têm um papel essencial no bem-estar e qualidade de vida das sociedades, quer através das actividades de desporto e de lazer, quer através dos serviços fundamentais que prestam, como sejam a regulação do clima, a retenção de dióxido de carbono e a produção de oxigénio, a reciclagem e armazenamento de poluentes.



No entanto, os oceanos enfrentam sérios problemas associados, entre outros factores, à poluição, à sobre-exploração de recursos, à destruição de habitats, à degradação ambiental, ao desaparecimento da biodiversidade e à introdução de espécies exóticas. Por isso, torna-se central definir e articular políticas que contribuam para os objectivos de desenvolvimento sustentável do nosso país.



Portugal está empenhado na promoção de formas inovadoras de aproveitamento sustentável dos recursos dos mares e oceanos, contribuindo para o desenvolvimento da economia do Mar e das indústrias marítimas, apostando nas ciências e tecnologias do mar, criando emprego, fomentando o ensino, a educação e o desporto associados ao mar, resolvendo conflitos de uso e potenciando sinergias através da implementação de um planeamento e ordenamento espacial das actividades. Em simultâneo, é necessário garantir que o valioso património natural e cultural subaquático do nosso mar é devidamente salvaguardado e protegido.


Bom, de lugares comuns estamos fartos.
Destes artistas também.

E não se pode dispensá-los???


26 março 2010

AZUL QUÊ ???


Não é fácil ver navios desta cor. Até porque o mar costumava ser coisa de homens. Barba rija ou não, homens.


Este azul cueca, fica-lhe bem



Construido na Holanda, no Peters Shipyard, 2005.
MMSI: 246367000    Ind. Chamada: PHDB     IMO No: 9279032     Navio: Cargo ship      LL: 82m
B : 12m     Calado : 5.0m




SUBMARINOS E NÂO SÓ


A Marinha de guerra Portuguesa, como todas as marinhas do mundo, deve estar apetrechada não só para as missões diplomaticas como também para todas as "outras". Com as outras , quero dizer, a defesa da soberania, e a  dissuasão. O controle das pescas e do trafico de droga. Haverá mais.


Os submarinos, por razões obvias, são ultra essenciais.

A questão, não está em se ter ou não pontes, submarinos, aviões e autoestradas. A questão está na desonestidade , que faz carreira nos ultimos 30 anos.

AS JÓIAS DO TEJO

Por culpa minha, ainda não sei o nome.
É uma jóia, que felizmente vai voltar a brilhar.
Talvez estes pequenos estaleiros voltem à vida, com esta crise.....

IRS

501141758 ASSOCIAÇÃO HUMANITARIA DE BOMBEIROS VOLUNTARIOS DE COJA ARGANIL


503777331 ASSOCIAÇÃO ILGA PORTUGAL LISBOA

501405895 ASSOCIAÇÃO INFANTÁRIO-JARDIM DE INFÂNCIA CHIQUINHA LISBOA

503231037 ASSOCIAÇÃO INTEGRAR COIMBRA

505298562 ASSOCIAÇÃO JERONIMO USERA CASCAIS

502026707 ASSOCIAÇÃO JUVENIL JOVENS EM CAMINHADA BRAGA

506284565 ASSOCIAÇÃO LAVOISIER LISBOA

503555908 ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE DOENTES COM ARTRITES E REUMATISMOS DA INFANCIA ANDAI LISBOA

503682985 ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE FIBROSE QUISTICA ANFQ LISBOA

500876916 ASSOCIAÇÃO PAIS PARA A EDUCACAO CRIANCAS DEFICIENTES AUDITIVAS LISBOA

500989575 ASSOCIAÇÃO PARA O PLANEAMENTO DA FAMILIA LISBOA

501129430 ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE DEFICIENTES LISBOA

502905409 ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE PAIS E DOENTES COM HEMOGLOBINOPATIAS ALMADA

505064324 ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE PORTADORES DE PACEMAKER E CDIS POMBAL
Exemplo de entidades apoiadas pelo nosso IRS

22 março 2010

H M S GLADAN



Os Suecos estão cá


Esta bonita esuna está na Base Naval do Alfeite.


Airosa. É sister de uma FALKEN, também da armada sueca, logo HMS.

Dados do navio

A TRAGÉDIA , O DRAMA, O HORROR.....

Aconteceu estar perto.


Cerca das 1800, horas de cá.


Ainda não tenho noticias do que aconteceu


Faço votos para que não tenha sido mais um fogareiro...

QUESTÃO DE MARÉ

E aos mais atentos, a minha questão: A maré sobe ou desce???

EARLY EVENING LIGHTS

Estão acesas o dia todo, normalmente, embora haja gente a jurar a pés juntos que não.
Mas ficam melhor perto da noite, não?
Alcantara tem mais encanto, no meio de contentores.... Até o JFMV aderiu .Ora porrinha.

O FUNCHAL

Navio, claro.

BOUDICA


Veio o estado maior à janela, para ver o ONYX.

os detalhes do navio

20 março 2010

ELE HÁ CADA MALUCO - PARTE 2


Aqui ainda faziam contas de cabeça.


Que se acabaram depressa. Ao contrario do que se possa pensar, creio que os rapazes sabiam o que faziam. Estão demasiado encostados às pedras, para ser amadorismo.....


A grande cavalgada já começara....


E de cava em cava, ou de crista em crista, qual galito galador, ei-lo que se desempina do mar alteroso


Com a ajudinha de sabe-se lá de quem, porque isto para mim (?) é novidadérrima, entram.... Surfing in the dock of a bay....


Nunca se atravessa, quer dizer, ou tem motor para dar e vender, que não é verosímel, até pela fisica


Até ao grande suspiro, que deve estar algures entre eas duas ultimas fotografias.


Isto passa-se em Espanha, proximo de S. Sebastian, numa daquela cricas ( isto é francês, seus ignorantes) em que eles são tão pródigos.




Agora, para acabar em beleza, era ver o barquito ( barcão) levantar as saiotas e rodar pela praia fora