25 fevereiro 2009

E À DECIMA HORA SE FEZ LUZ

Luz e calor.... Mesmo no meio do Mar; Da Palha. Mandarm-me uma barcaça que é quasi do tamanho do navio (?). Uma grua que é um prédio de 6 andares.- E dizem-me que tenho de segurar aquilo tudo!!!! Com quê?? Com uma garrafiinhas de vinho, que descobri hoje, fazem uma tença do melhor que há..
Passem bem,

OS MONSTROS DO MAR DA PALHA

Não foram tempos fáceis, para mim, não senhor. As tempestades aterradoras, com Freak Waves de 12 centimetros a varrer tudo e tudos, acompanhadas de maresrotos ( versão de maremotos, a ser aprovada brevemente na A.R. ), Tsunamis de chichi directamente da Praça das Nações para o mundo e de horriveis montróides comedores de tudo o que aparece. Tenho nas imagens alguns exemplos do que vi.... O tempo que a seguir vai perder, ( ou não) são da total responsabilidade do autor. Vá-se queixar ao IRGAS, ( palavras sabias do meu avô Zé Afonso Santos).
É verdade, são visões demoniacas. Quando comecei a trabalhar, nos idos 75 e 76, do seculo passado, o AJAX fazia parte de uma serie de rebocadores que de novo já não tinham nada....
Isto, para não falar da PODEROSA, e já agora, da VIGOROSA, visões comuns a quem frequenta a noite da LUX. Estã sempre atracaditas, pois estão. País laborioso, que pede meças a tudo e a todos.....

MAR DA PALHA

Ainda bem que as previsões meteorologicas se ficaram precisamente pelo que são: Previsões. E como se sabe, previsões só no final. Do que quer que seja. Assim, só tive de me preocupar com as terriveis assombrações e demonios marinhos , bestas formidaveis que atormentam as nossas bela tágides, ali para os lados do Corpo Santo.

ENTREGA AO DOMICILIO

Imagine-se o amigo, a precisar de atestar o deposito do carro e longe de uma estação de serviço, o que faria?
Muito simples: Usava o telefone e, .....zás - catrapás. Num ápice, aparecia um carro tanque e toca a abastecer. Sem mais delongas. Pagaria antecipadamente, claro, não fosse o diabo.... Seria o que hoje em dia se poderia chamar " ABASTECIMENTO NA HORA". E se ligasse via e-phone - MAGALHÃES, daria direito a desconto, a um bilhete para uma sessão na Assembleia Nacional, ou quiçá aos dois.
Aqui a GALP chama-se MARINE

FRESCALHOTE

Para quem vinha de cima, não era mau de todo. Agora a subir, éra como (não) diz o ditado..... Uma porra!

23 fevereiro 2009

BRAGA, O MAR, E OS ESPANHÓIS

Um dia havemos de ser como eles....
Como dizia o Ti Zé Pola: " O respeitinho é muito lindo, por isso, caluda!..."
Sim, é de silencio que se precisa, neste país ,onde a verdade é tão mal tratada.
Vai dar para pensar. É uma historia triste, que acaba mal.
Temporal del 24 de enero de 2009. La noche del 23 de enero una borrasca muy profunda barrió el litoral norte de España. La intensidad del viento alcanzó los 150 Kms/hora y produjo numerosos daños. En la mar provocó el hundimiento del carguero portugués Braga, del que pudieron salvarse con helicóptero todos sus tripulantes pero el capitán falleció de un ataque cardiorespiratorio durante el salvamento. Todo empezó el día 23. La página de Internet de Puertos del Estado tiene un excelente servicio de predicción de olas que daba los siguientes pronósticos.
Gracias a la red de boyas de Puertos del Estado se puede seguir en tiempo casi real la evolución de la borrasca a lo largo de la costa del Cantábrico
La boya detecta dos olas de 13 metros frente a cabo Silleiro a las 00.00 h del día 24 En la Estaca las olas siguen avanzando con alturas de 13 metros, parece que los dos picos se han juntado, lo que no presagia nada bueno

A la altura de Santander se forma una ola de 15 metros. Esta ola es la más alta registrada en España.

Hay que tener en cuenta que lo que transmite la boya es la llamada ola significante. Para su cálculo, las boyas automáticas, que miden la altura de las olas y transmiten luego los datos a la base de Puertos del Estado, recogen las 100 últimas, de las que extraen las 33 más altas y calculan una media, que recibe el nombre de significante. Hasta este temporal, el récord histórico de oleaje en las costas españolas lo tenía la boya de Estaca de Bares con 12,8 m en el temporal de 11 de marzo de 2008 ( las boyas tienen registros desde el 1996) El problema es que se supone estadísticamente que la altura de la ola máxima es 1,5 veces el de la ola significante , lo que quiere decir que en la noche del 24 de enero, por el punto señalado con la estrella roja pasó un monstruo de 22,5 metros. Hay que señalar que los 13 metros de ola significante de Silleiro, Villano y la Estaca también pulverizaron el récord de 12,8 y se convierten en el máximo medido en Galicia. Las olas máximas serían de 19,2 metros.

El crucero Balmoral saliendo de La Coruña para el Reino Unido el día 24. Hubo pasajeros que renunciaron al viaje de regreso.

MAR DA PALHA - HERE I AM

Mas antes de chegar a essa imensidão tão pouco navegada, de tempestades, corvinas e cacilheiros desmesurados, deixem-me falar-vos de Cascais, essa bela localidade com o seu castelo altaneiro, ao sul de Ilhavo, e onde fiz o primeiro poiso. bonita de se ver. Ao nascer dia. Só não consigo fotografias, pois o navio ( Barcoleta, onde estás??) não pára quieto, Rocinante impaciente.
Depois, quando se previa uma entrada sossegada, eis que dos 4 navios fundeados em Cascais, essa bela....., 3 deles se lembram de suspender ao mesmo tempo, e porem-se ao caminho TAMBÉM ao mesmo tempo, o que valeu uma interpelação do controle de tráfego do Porto de Lisboa :
"Então, Vêem às corridas ou é para ver se cabem os 3 no canal???? "
Coubemos, e vinhamos à corrida. Perdi para o C.M. porque quis.
Mas ficamos a saber que ninguém da o braço a torcer.....
Depois de franquear a portinhola em Belém, lá fui para o Mar da Palha, sem previsões de meteo, o que me deixou deveras preocupado; Mas fui. Gosto de enfrentar o perigo de frente!
Nem o facto de haver avisos de mau tempo na Josefina e em Carnaxide me demoveu. Fui, fundeei, e depois..... Dormi a sesta.
Nem César chegava assim a casa.

O PENAFIEL

Bom, o que se vê da popa não dá para acreditar. Sevilha, cais fracote(????) , não dava para entrar ou sair. Muitos protestos de todos. Mas descarregou-se lá a cevadita para a cerveja. Por falar em cerveja: Um dia destes, vou leiloar ( está na moda) uma receita de cerbejola caseira. Bai ser um guôzo.......CARAGO!

22 fevereiro 2009

HUELVA

Há quem lhes chame carcassas.
São umas horas relaxadas. Com o manipanço na mão.
E coisas lindas à mão de semear.
Sevilha tem muitissimo trafego. Devia dar que pensar aos nossos.....

SEVILHA, COMO A VI

Foi num " de repente".
Chegar , ver e não ficar convencido.
Quasi não vi nada

03 fevereiro 2009

O " BRAGA" NA IMPRENSA

Assoberbados pelos cursos de artes marciais - os chineses é que estão a dar- a nossa imprensa(?) não tem, coitados, o tempo de que precisa para as noticias serem noticias. O nosso mi(ni)sterio da informação em marcha. Também um navio e um homem não é coisa por aí além....